Construa um planetário em casa

Construa um planetário em casa

 

Autor: Demetrius dos Santos Leão

Revista Física na Escola, v.12, n.2, 2011

 

Este trabalho descreve a construção de um material didático lúdico interativo, voltado para o ensino de astronomia: um pequeno projetor de planetário, por isso mesmo denominado mini-planetário, montado com materiais de baixo custo. Seu princípio de funcionamento é bastante simples e a projeção que se pode obter com ele é de alta precisão.

O que é um planetário?

Imagine um céu noturno repleto de estrelas cintilando, como pequenos diamantes. Existe paisagem mais bela e, ao mesmo tempo, tão desafiadora? Um céu bastante estrelado, privilégio dos locais mais afastados das luzes dos grandes centros urbanos, é aquilo que os planetários  procuram reproduzir.

Eles são locais para visitação cuja finalidade é apresentar  uma simulação do movimento aparente dos astros no céu, quase sempre o céu noturno. Em seu interior escurecido, os expectadores assistem a demonstrações sobre astronomia, de forma semelhante ao que ocorre em uma sessão de cinema. São vários os tipos de planetários e sistemas de projeções. Os planetários fixos são construções, quase sempre na forma de uma grande cúpula, devidamente equipados para receber o público visitante. Os planetários móveis, geralmente utilizados em atividades itinerantes, possuem estrutura mais simples, restrita ao formato de uma meia abóbada celeste onde se realizam as projeções, fabricado em lona não inflamável, podendo ser inflados rapidamente com o auxílio de um ventilador adequado, possibilitando a acomodação dos expectadores em seu interior...

Leia o artigo na íntegra em:

www.sbfisica.org.br/fne/Vol12/Num2/a12.pdf

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Lomadee, uma nova espécie na web. A maior plataforma de afiliados da América Latina.

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!